GESTORAS SE UNEM PARA CAPTAR COM 'DEBÊNTURE DO BEM'

Usar o mercado de capitais para viabilizar o financiamento de projetos voltados a famílias de baixa renda. Esse é o objetivo da InvestSocial, associação realizada por duas empresas com experiência em investimentos de impacto e captação de recursos: a gestora Din4mo e a securitizadora Gaia. A ideia por trás da chamada "debênture do bem" é ligar tomadores de crédito sem acesso ao sistema bancário tradicional a potenciais investidores, dispostos a abrir mão de parte do retorno financeiro em troca do ganho social.

A necessidade de serviços relacionados à habitação, saúde e educação entre a população mais carente é conhecida, assim como a falta de financiamento.
Mas o mercado de produtos e serviços voltados para esse público movimenta pouco mais de US$ 750 bilhões anualmente na América Latina, de acordo com estudo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). "O que falta não é capacidade de pagamento, mas confiança e estruturas adequadas para se oferecer crédito", afirma Marco Gorini, sócio da Din4mo.

A "debênture do bem" pode preencher uma parte dessa lacuna, segundo Gorini. A primeira emissão foi fechada no mês passado e vai financiar os clientes da Vivenda, especializada em reformas de habitações populares.
Foram dois anos para colocar de pé a operação, que totalizou R$ 5 milhões.
Trata-se de uma quantia pequena para os padrões do mercado de capitais, mas com impacto relevante. A expectativa é que os recursos viabilizem a reforma de até 8 mil moradias, segundo o sócio da Din4mo.

A estimativa é que a inadequação de domicílios no país chegue a 15,3 milhões de unidades, o equivalente a 2,5 vezes o déficit habitacional no Brasil. Apesar da clara demanda, as restrições de crédito dificultam o crescimento da Vivenda, já que a maioria dos clientes não tem condições de arcar com a obra - que custa R$ 4 mil, em média.

Com os recursos captados com as debêntures, a empresa poderá oferecer o pagamento da reforma parcelado em até 30 meses, com juros de 1,8% a 2,2% ao mês. "Uma taxa muito baixa e que o cliente certamente não conseguiria em um empréstimo que não conta com garantia", afirma Gorini.

Como os recursos podem ser usados para financiar mais de uma obra, a expectativa é que os investimentos cheguem a até R$ 40 milhões. "O impacto final é ainda maior, porque a Vivenda contrata a maior parte da mão de obra e dos materiais na própria comunidade", afirma.

Do lado do investidor, a debênture do bem não é uma aplicação das mais rentáveis. Os papéis emitidos no projeto da Vivenda têm prazo de vencimento de dez anos, com amortização a partir do quinto, e pagam uma remuneração prefixada de 7% ao ano.

Os papéis foram vendidos a clientes de altíssima renda (segmento private) do Itaú Unibanco. "Quem investiu não está de olho apenas no retorno financeiro", segundo João Paulo Pacífico, sócio da Gaia. A emissão conta ainda com uma classe de papéis mezanino, mais arriscada, e distribuída de forma privada.

A estruturação da emissão da Vivenda levou dois anos e foi feita em nome da Gaia. A assessoria legal foi realizada pelo escritório TozziniFreire Advogados.
Nenhuma das partes cobrou para realizar a operação. Mas a ideia é que a InvestSocial - em nome da qual as próximas debêntures serão emitidas - seja rentável, segundo Pacífico.

A expectativa da InvestSocial é realizar pelo menos mais uma emissão neste ano e investir até R$ 1 bilhão em um prazo de cinco anos em projetos com recursos captados com as debêntures. "O valor efetivamente captado será menor, mas os mesmos recursos podem ser reinvestidos durante o prazo da operação", afirma.

Fonte: Valor Econômico

Últimas Notícias

ENDEREÇOS

Curitiba - PR

Rua General Mario Tourinho, 1733 - Sala 405
Barigui – 80.740-000
F. +55 41 3339 3195
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

São Paulo - SP

Rua do Rócio 423 - Sala 705
Vila Olímpia – 04.552-000
F. +55 11 3582 55 31
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Certificações
Give your website a premium touchup with these free WordPress themes using responsive design, seo friendly designs www.bigtheme.net/wordpress